Psicologia Transpessoal Psicoterapia

Porque eu e você estamos aqui

Loneliness
Escrito por Maya Lakshmi

Se a primeira coisa que você sente quando acorda num novo dia é desânimo, uma invasão de amargura e vontade de continuar dormindo, esquecendo o emaranhado de problemas que parecem se acumular sem nenhuma perspectiva de melhora, continue lendo este texto, ok?

Esse é primeiro texto que escrevo originalmente para este site, que tem se tornado um sonho cultivado em família, que tenho sentido como parte da minha missão como psicóloga e psicoterapeuta – expandir os horizontes de tudo que aprendi e já senti durante minha vida e formação acadêmica, para que todos os benefícios que eu recebi encontrando minha vocação (e podendo escolher minha profissão) se transformem em gratidão transbordante e possa chegar ao seu coração nesse momento de escuridão e possível solidão.

Agora e sempre, manifesto meu desejo profundo que eu possa ser um bom instrumento para fazer com que boas e necessárias mensagens de reflexão, autoconhecimento, esperança e luz possam chegar até você.

Talvez, na noite escura que você tem experienciado cotidianamente em seus pensamentos e sentimentos, tentar te fazer acreditar que dará tudo certo no final vai parecer algo forçado e ter um efeito improdutivo em você. Não é para isso que estou aqui, afinal de contas, quem sou eu para saber algo da sua vida. Dizer que dará tudo certo é pura esperança externa, porque a verdadeira autoridade da sua vida é você e apenas você, não importa quantos anos eu e inúmeros especialistas tenham estudado.

Mas se tem algo que eu definitivamente aprendi durante a minha formação em Psicologia é: independente do que você esteja sentindo agora, do quão difícil esteja sendo simplesmente se levantar da cama todos os dias e cumprir as atividades mais básicas, eu sei que dentro de você, além dessas sombras, existe um lugar de profunda sabedoria e força para sair dessa situação angustiante.

light

(Encontrar a luz significa atravessar a mais profunda escuridão)

Uma confissão profissional: os psicólogos, psiquiatras e terapeutas holísticos só obtêm sucesso quando o cliente está determinado a encontrar em si mesmo, a redespertar, a força interior que o habita e pede a nossa ajuda para isso, porque no momento atual tudo pode estar tão angustiante que essa força mal parece existir.

Acontece que buscar a ajuda de alguém que realmente estudou – e conhece boas formas de conduzir um processo de transformação pessoal – é uma aposta necessária caso você esteja se sentindo de alguma forma como o que eu descrevi.  De certo modo, todas as abordagens terapêuticas disponíveis têm caminhos específicos, mas que buscam levar os clientes para um lugar muito semelhante no final das contas: o redescobrimento da sua força, criatividade e luz interior.

Meu desejo hoje é que neste momento, mesmo se sentindo da pior maneira que você já tenha se sentido na vida, ao ler este texto você possa ter sentido algo acender em você, nem que seja a vontade de não precisar mais passar por todos esses espinhos sozinho.

chaplin

Falando por mim, a melhor experiência que eu tenho como psicoterapeuta é receber o genuíno pedido de ajuda de alguém. Pouco importa se essa pessoa chega achando que é o ser humano mais fraco do mundo, mais complicado, mais sozinho. É para isso que acordo todos os dias, para estar disponível para quem quer lutar pela própria vida e pode se beneficiar de uma relação terapêutica de confiança.

Além de ter plena certeza de que você possui os recursos internos para sair da sua situação atual, eu sei que não cheguei a escrever esse texto por acaso e que muito menos você não o está lendo por uma causalidade banal.

Alguns encontros tem o poder de salvar nossos dias, possibilitar a crença num recomeço e mudar positivamente nossas vidas.

Sobre a autora

Maya Lakshmi

Psicóloga, Terapeuta Transpessoal, ThetaHealer, Life Coach, facilitadora de círculos de Mulheres, estuda os Movimentos de Resgate ao Sagrado Feminino e o Método de Autoconhecimento Pathwork.

Deixe um comentário